Top7ranking: Cientistas que afirmam ter a prova da existência de Deus

Cientistas que afirmam ter a prova da existência de Deus



Tanto as pessoas de fé, como os ateus, aguardam constantemente alguma evidência clara para confirmar ou negar a existência de Deus. Nessa lista estão 7 teorias ou testes de cientistas com o objetivo de demonstrar a existência de Deus, do Céu, e do Inferno. Se o que é afirmado é verdadeiro ou ficção, cabe a cada um decidir.

Confira a lista das 7 teorias ou testes de cientistas com o objetivo de demonstrar a existência de Deus:

7° Professor Johann Bartholomeus Adam Beringer



Em 1725, Johann Adam Bartholomeus Behringer fez uma descoberta de objetos que tinham o nome de Deus em hebraico. Eram pedras de calcário em forma de peixes, lagartos, pássaros deformados. O professor acreditava ser o principio divino para criação dos animais. Uma espécie de rascunho feito por Deus.
Mas o que Johann não sabia, é que os mesmos foram enterrados antes dele encontrar. Ele realmente acreditou como descoberta, analisando os fósseis, e publicou um livro com a divulgação desse trabalho. Mais tarde o professor entendeu o engano e a história foi parar na justiça com dois colegas do professor, J. Ignatz Roderick e Johann Georg von Eckhart realizaram uma pegadinha, ao criarem fósseis falsos.


6° Aposta de Pascal



Trata-se da proposta com argumentos da filosofia apologética, que tem como criador Blaise Pascal, do século XVII, matemático, filósofo, e físico francês. No trabalho é postulada vantagem pela suposição da existência de Deus, em comparação ao Ateísmo.
É acrescentado que a pessoa racional deve relacionar a própria existência com a de Deus, mesmo sem a veracidade. A questão foi formulada em contexto cristão, na seção 233 do livro póstumo Pensées, como trabalho pioneiro em teoria das probabilidades, e com a teoria da decisão.


5° Leonhard Euler



Euler participou de episódio que divertiu a Europa, com uma equação em espécie de brincadeira, para convencer Diderot da existência de Deus. A invenção da equação foi para discussão sobre essa existência, e Diderot não entendendo nada de Álgebra, pensou que a equação era sensata, o que terminou com grande gargalhada dos espectadores.

4° Teorema da Incompletude de Gödel



Com esse Teorema, há prova que a ciência não preenche as próprias lacunas, sendo preciso buscar fora da ciência algumas respostas. E a Incompletude do Universo não é especificamente a prova da existência de Deus.
Seria a prova que essa crença é necessária e totalmente lógica para entender de forma científica o Universo. Em 1931, o jovem matemático Kurt Gödel provou a ligação entre fé e ciência.


3° Francis Collins



Esse grande biólogo americano, um cientista talentosíssimo, foi um dos responsáveis do mapeamento do DNA humano no ano de 2001. E o seu conhecimento científico não impediu a crença na religião, por Deus.
Com o livro A Linguagem de Deus, contou sua trajetória onde deixou de ser ateu para ser cristão, aos 27 anos de idade. Para ele é preciso a ciência e a religião para as sociedades, como complementares.


2° Matemática e notebook para comprovar a existência de Deus



Christoph Benzmüller e Bruno Woltzenlogel Paleo, cientistas da Universidade Livre de Berlim formalizaram teorema sobre a existência de Deus, criado por Kurt Gödel. O trabalho foi feito com base na ciência do ser em geral, o argumento ontológico de Gödel. Este havia apresentado teorema matemático para essa existência.
Os dois mostraram a prova de Gödel correta, a nível matemático, com um MacBook, com lógica modal superior. O que foi mostrado é que com a tecnologia incrível, há resultados avançados e científicos.


1° Experiências de Quase Morte



A CNN publicou relato do Dr. Steven Laureys, cientista belga e estudioso das Experiências de Quase Morte, com os pacientes em coma. E as histórias das pessoas que voltam à vida, são semelhantes. O estudo aponta para existência de algo além da vida, com pacientes voltando mais felizes do coma e sem medo da morte.

Fonte: Top Mais
Fotos: Divulgações
Página anterior Próxima página